28 de fev de 2013

Cuidado com o kill -9

kill -9 deve ser usado em último caso.

Este comando é extremamente
poderoso e perigoso. Ele força um processo a parar, sem permitir que ele faça a limpeza. Isto pode inutilizar recursos do sistema. Por isso, não é geralmente recomendada a menos que todas as outras opções falhem.


Depois de usar o comando kill -9 (ou kill -s SIGKILL), certifique-se de usar ps -ef novamente para ter certeza que você não tem quaisquer processos zumbis restantes. Você só pode eliminar um processo zumbi terminando seu processo pai. Se o processo pai pode seguramente ser terminado ou reiniciado, mas de forma problemática, o processo de zumbi passa a ser possuído pelo processo init (PID 1). Você não vai querer matar o processo de inicialização se você não sabe as suas implicações. Matar o init culminará no desligamento imediato do sistema. Se você tem processos zumbis cujo pai é o init, e eles são o consumo de quantidades significativas de recursos do sistema, será necessário reiniciar a máquina em algum ponto, a fim de limpar a tabela de processos.