9 de jun de 2009

Google


O nome Google foi escolhido devido a expressão "googol", que representa o número 1 seguido de 100 zeros, para demonstrar assim a imensidão da Web.

A expressão "googol' surgiu de um fato bem curioso. Edward Kasner (matemático) questionou o seu sobrinho de 8 anos sobre a forma como ele descreveria um número grande - um número realmente grande: o maior número que ele imaginasse. O pequeno Milton Sirotta emitiu um som de resposta que Kasner traduziu por "googol".

O nome Google surgiu a partir de um erro, engraçado né... A história foi mais ou menos assim, quando o primeiro investidor da empresa passou um cheque no valor de 100 mil dólares perguntou a que ordem o devia passar, Brin e Page disseram que estavam a pensar dar o nome de "Googol" à empresa, mas o empresário, escreveu "Google", obrigando, assim, que a empresa tivesse este nome. Ninguém sabe por qual motivo ele colocou "Google" no cheque, possivelmente por ignorância. Segundo o documentário do Biography Channel sobre os criadores do Google.

Sergey Mihailovich "Brin" é cofundador e atual presidente de Tecnologia do Google o site de busca mais popular da internet.


Lawrence Edward Larry "Page" é cofundador e atual presidente de produtos do Google.



  • Você sabia que...

O Google é considerado melhor buscador na internet. Ele possui um banco de dados com mais de 3 bilhões de páginas e mesmo assim consegue apresenta-las em menos de meio segundo ficando apenas por conta da velocidade da sua conexão com a internet e a velocidade de seu computador.

O Google não apresenta um site que fala daquele assunto, mas sim, a página com os termos digitados. É claro que numa busca, um site importante pode aparecer, mas não mostrar exatamente aquilo que você gostaria de ver, portanto ao procurar alguma informação tente dar uma descrição detalhada, ponha palavras-chave para que o Google possa retornar o assunto desejado.

Por: Francisco Darlildo

8 de jun de 2009

Avidemux - Edição e Manipulação de Vídeos

· "For Whom The Video Cuts"


Para aqueles que curtem edição e manipulação de vídeos o software de código aberto ideal é o Avidemux. Ele utiliza o Mencoder para fazer as conversões, para quem já o conhece um bom recurso no modo gráfico. Com ele é possível converter vídeos, editar partes do vídeo, adicionar legendas, entre outros.
É um software de aparência simples mas muito poderoso. Tem uma série de codecs de áudio e vídeo para permitir conversão de vídeo da maneira que você preferir.
Bem, mas vamos ao que interessa. ;-)





· Convertendo Vídeos

O primeiro passo é abrir o arquivo que deseja converter. Vá em File → Open, ou clique no atalho que aparece logo abaixo do menu. Neste exemplo vou converter um arquivo ".MP4" em ".AVI". Ao adicionar o arquivo ele pode ser reproduzido no próprio Avidemux. Mas não vamos nos aprofundar muito neste passo, vamos apenas converter o arquivo sem muitos detalhes.




MAD Dica
: se você está achando que o arquivo a ser reproduzido está pequeno demais para ver, você pode aumentá-lo no menu View → Zoom 1:1 ou [Crtl + Alt + 1]. ;-)

Apenas escolha o codec de vídeo, por exemplo MPEG-4 ASP (Xvid4). E o codec de áudio, por exemplo, MP3 (LAME). Agora o formato de saída, neste exemplo AVI. Estas opções podem ser acessadas no menu vertical.





Agora salve o arquivo no menu File → Save Video ou [Ctrl + S]. Nele você poderá ver várias opções para salvar seu vídeo. São elas:

  • Save Video... : salva todo o vídeo no formato desejado.
  • Save BMP Image... : salva apenas o frame, ou seja, o pedaço do vídeo que aparece na tela em formato BitMap.
  • Save JPEG Image... : faz o mesmo que o anterior, mas salva em formato JPEG.
  • Save Selection as JPEG Images... : salva várias imagens a partir de uma seleção, que seria definir apenas parte do vídeo para gravar.

Mas vamos mesmo na primeira, clique em File → Save Video ou [Crtl + S] e defina um nome para o vídeo colocando ao final a extensão:".avi". Agora basta esperar a conversão do vídeo e pronto.





· Convertendo apenas parte de um vídeo

Após ter aprendido a converter, vamos para edição de vídeo. Com o arquivo aberto vamos definir qual parte do vídeo será convertida. No menu inferior é possível definir esta funcionalidade.





Com os comandos Play, Pause, Stop você visualiza seu vídeo como um reprodutor de mídia comum. Após visualizar a parte de onde deseja gravar clique no botão A do menu. Note que ele trará o cursor da barra de progresso para a posição desejada. Agora selecione o final da parte que será gravada com o botão B do menu. Assim você poderá ver os dois cursores da barra de progresso um na posição A e outro na posição B. O procedimento é o mesmo para gravar, File → Save Video.

· Adicionando legendas ao Vídeo

Com o arquivo de vídeo já aberto, clique no menu principal Video → Filters ou [Ctrl + Alt + F].
Abrirá uma janela com várias opções de ajustes, melhorias e funções. Para adicionar o arquivo com a legenda clique na aba vertical Subtitles da caixa Avaliable Filters (Filtros Disponíveis). A mais comum seria a primeira opção onde as legendas estão em formato ".SRT". Clique em Subtitler e depois no botão Mais logo abaixo.





Busque o arquivo com a legenda clicando em Browser no campo Subtitle File, comumente com a extensão ".SRT". Também é possível escolher a fonte para a legenda, o segundo campo permite isso. Clique em Browser e busque a fonte, normalmente com a extensão ".TTF". Agora é preciso indicar a codificação da legenda. Isto serve para ver, por exemplo, acentuação em legendas em português ou visualização de caracteres especiais. Também é possível definir a cor da legenda com a opção Select Color, sua posição na tela e seu tamanho com a opção Set Size and Position. A última opção Delay (ms) serve para atrasar ou adiantar a legenda. É útil quando a legenda está desincronizada. Ao final clique em OK e pronto.





Após adicionada, a opção selecionada pode ser vista na caixa Active Filters (Filtros Ativos).
É possível pré-visualizar os frames com a legenda clicando em Preview no canto inferior direito. Émuito útil para ver se a legenda ficou como você queria que ficasse. ;-)






Agora basta salvar o arquivo normalmente.

· Aumentar volume do vídeo

Também é possível aumentar o volume do vídeo. No menu principal Audio → Filters, ou no menu vertical é possível aumentar o volume. Na parte do Gain no item Gain Mode escolha a opção Automatic (max - 3 dB), ou seja, ele automatiza a função de ganho com no máximo 3 decibéis. Pode parecer pouco, mas é o suficiente.
No entanto, se o áudio for realmente muito baixo, escolha manualmente com a opção Manual.





· Junção de Vídeos

Com Avidemux você pode mesclar dois vídeos com a opção File → Append... ou [Ctrl + Alt + A]. Assim se você possui dois vídeos, por exemplo parte 1 e parte 2 de um filme, é possível torná-lo um só vídeo. :D

MAD Dica: Atenção! - para que esta funcionalidade execute perfeitamante, é necessário que os dois, ou mais vídeos estejam com os mesmos codec's - tanto áudio e vídeo, número de quadros por segundo, mesmas taxas de amostragem(frequência), mesmas taxa de bits por segundo. Para isso veja antes de convertê-los em File → Properties ou [Alt + Enter], ou nas propriedades que o próprio sistema operacional mostra.





Caso ocorra essa incopatibilidade, basta converter os arquivos individualmente com as mesmas propriedades. ;-)
Após o Append, assista o vídeo na parte onde ocorreu a junção para saber se estão compatíves. Se tudas as propriedades estiverem corretas a junção será imperceptível. Basta salvar: File → Save ou [Ctrl + S].

por Átila Camurça