11 de nov de 2009

Urban Terror

Urban Terror

Urban Terror é um jogo FPS (First Person Shooter) desenvolvido pela FrozenSand. Com uma jogabilidade bastante realista e gráficos de tirar o fôlego, Urban Terror não deixa nada a desejar em comparação a qualquer
jogo em primeira pessoa.







Donwload And Play
Sem instalação, basta executar ;-)


O site oficial do jogo é http://www.urbanterror.net/. Nele é possível fazer o download em:
ou em ftp:
Após o download é só jogar executando o arquivo ioUrbanTerror.i386 num terminal:

$ ./ioUrbanTerror.i386

Mas antes da diversão vamos deixar o jogo acessível com facilidade. :)

Instalação
Fácil, Fácil

Eu recomendo a instalação de aplicações em geral em diretórios do sistema e não em seu diretório home. Então para a instalação proceda da seguinte maneira.
Primeiro extraia o arquivo baixado:

$ unzip UrbanTerror_41_FULL.zip

Depois de descompactar mova o diretório para /usr/local/games como root

$ sudo su
# mv UrbanTerror /usr/local/games


Em seguida entre no diretório /usr/local/bin

# cd /usr/local/bin

Crie um arquivo chamado urbanterror, use vim ou nano (você quem decide :-):

# vim urbanterror

ou,

# nano urbanterror

Copie o seguinte conteúdo, se você tem um processador i386:

#!/bin/sh
cd /usr/local/games/UrbanTerror/ && ./ioUrbanTerror.i386 "$@"

Ou se seu processador for x86_64

#!/bin/sh
cd /usr/local/games/UrbanTerror/ && ./ioUrbanTerror.x86_64 "$@"

Salve e feche o arquivo.
Dê permissão de execução ao arquivo. Faça:

# chmod +x urbanterror

Instalação concluída.

Definindo um Item no Menu Aplicações
Para acesso rápido.

Para o jogo ficar mais acessível é necessário criar um Item em seu Menu Aplicações. Primeiro vá no Menu Sistema → Preferências → Menu Principal. Para facilitar clique em Jogos e logo após clique no botão Novo Item.
Em seguida aparecerá a janela Criar Lançador, a qual pede alguns dados. O primeiro, Tipo, refere-se ao tipo do lançador, nesse caso Aplicação. Em seguida vem o Nome, digite Urban Terror. Logo abaixo vem o Comando, clique em Navegar e procure o arquivo que criamos. Ele está em /usr/local/bin, clique no arquivo urbanterror e depois Ok. Você pode também por um ícone para o jogo. Clique no botão com a imagem do lançador, e busque a imagem (Se você ainda não tem a imagem baixe-a da net ;-). Clique em Ok e pronto.

ou ainda, acesse a dica: Adicionar item no menu do Ubuntu visível a todos os usuários

Dicas do Jogo - Jogando Off-line
com os bots :-)

Antes de mais nada inicie o jogo para que ele crie o diretório com as configurações no seu home. Faça um pequeno teste com o jogo, configure seu nickname, defina a resolução, etc.
Saia do jogo e abra um terminal e faça:

$ cd .q3a/q3ut4/

Edite o arquivo q3config.cfg. Faça:

$ vim q3config.cfg

ou

$ nano q3config.cfg

Mude a linha

bind ` "toggleconsole"

Para

bind ' "toggleconsole"

Salve o arquivo e feche-o.
Isto serve para abrir o console do jogo, no qual algumas opções serão habilitadas em tempo de execução.

O próximo passo é criar dois arquivos de configuração para jogar em modo off-line (com os bots).
Ainda no terminal crie o arquivo init.cfg dentro do diretório ~/.q3a/q3ut4/. Faça:

$ cd ~/.q3a/q3ut4/
$ vim init.cfg

ou

$ nano init.cfg

Nesse arquivo você irá habilitar os bots e reiniciar o jogo. Para isso digite no arquivo:

bot_enable 1
reload

Salve e feche o arquivo.
Agora vamos criar os bots. Eles não foram totalmente implementados em todas as fases, de modo que eu recomendo que você jogue apenas nas seguintes fases:
  • Abbey
  • Abbey CTF
  • Algiers
  • Austria
  • Dressing room
  • Firing Range
  • Riyadh
  • Uptown
A sintaxe para adicionar os bots é simples. Basta fazer:

addbot <tipo> <nível> <time> <ping> <nick_do_bot>

Onde o tipo do bot caracteriza as armas que ele irá carregar. Os tipos a serem escolhidos são os listados abaixo:
  • boa
  • cheetah
  • chicken
  • cobra
  • cockroach
  • cougar
  • goose
  • mantis
  • penguin
  • puma
  • python
  • raven
  • scarab
  • scorpion
  • tiger
  • widow
O nível pode ser os valores de 1 a 5, em que o 1 é o nível mais fácil e o 5 mais difícil.
O time pode ser red ou blue, isso quando estivermos jogando TeamDeathmatch, ou Capture The Flag, ou outro modo que tenha times. Caso contrário esse valor é ignorado.
O ping pode ser qualquer valor. Como estamos falando de apenas de uma máquina, esse valor é indiferente.
E o nick do bot é o nome que você quiser dar ao seus bots. Seja criativo. :-)

Para ser mais rápida a inserção de bots criaremos o arquivo addbots.cfg em ~/.q3a/q3ut4/. Faça:

$ cd ~/.q3a/q3ut4/
$ vim addbots.cfg

ou

$ nano addbots.cfg

Adicione as linhas de acordo com seu gosto, por exemplo:

addbot scorpion 5 blue 64 Debian
addbot penguin 4 red 64 Tux
addbot raven 5 red 64 Ubuntu
addbot python 4 blue 64 SuSE
addbot tiger 4 red 64 Mandriva

Salve e feche o arquivo.

Inicie o jogo e crie um novo jogo. Escolha uma das fases citadas acima.
Quando o jogo começar abra o console usando '(aspas simples). Digite:

/exec init.cfg

O jogo será automaticamente reiniciado. Abra novamente o console e digite:

/exec addbots.cfg

Pronto. Os bots já podem ser vistos na fase. Divirta-se. XD \o/

Screenshots
Veja o que você está perdendo :-)








Links Relacionados: Criando um Servidor para Urban Terror | Urban Terror - Bots

6 de nov de 2009

Imagination


Imagine que você está em um ambiente GNU/Linux, cercado de tranquilidade, quando de repente; Zás! Um amigo seu lhe pede para gravar um Slide Show para uma apresentação de fotos. :( Lá vai você ter que entrar no Ruindows, digo ... no Windows ;D, e ter que criar qualquer coisa no Movie Maker. ¬¬'

Para aqueles que usam Linux a solução acaba de chegar: Imagination.

Instalação
Passo-a-passo

Os mais apresadinhos que já instalaram o Ubuntu 9.10, e já fizeram aquele upgrade e não gostam de sujar as mãos, tem o privilégio de baixar Imagination pelo apt-get. Faça:

$ sudo su
# apt-get install imagination

Pronto. Já é possível usar Imagination pelo Menu Aplicações → Som & Vídeo → Imagination.
Pena que dessa forma você irá utilizar a versão 1.5, que é bem básica, mas já é totalmente funcional. :-)

Para quem gostar de compilar programas e quer a versão mais nova, com muito mais funcionalidades, vamos a luta.

Você pode visitar a home page do Imagination em:
Baixe o arquivo fonte do Imagination:
Feito isso é necessário instalar os seguintes pacotes de dependência:
  • intltool
  • libgtk2.0-dev
  • libsox-dev
  • ffmpeg
Em um terminal faça:

$ sudo su
# apt-get install intltool libgtk2.0-dev libsox-dev ffmpeg

Vários outros pacotes extras aparecerão para completar a instalação, baixe todos. Após o download abra um terminal. Copie o arquivo tar para o diretório /usr/local. Faça:

# cp imagination-2.1.tar.gz /usr/local/
# tar -xf imagination-2.1.tar.gz

Entre no diretório criado. Faça:

# cd imagination-2.1

De acordo com o arquivo README você deverá editar o arquivo support.c localizado em src. Faça:

# vim /usr/local/imagination-2.1/src/support.c

ou

# nano /usr/local/imagination-2.1/src/support.c

Nesse arquivo edite a seguinte linha:

#define PLUGINS_INSTALLED 0

Para

#define PLUGINS_INSTALLED 1

Isso serve para que o Imagination possa carregar as transições de imagens.

Configure o software para ver se todas as dependências foram instaladas. Faça:

# cd /usr/local/imagination-2.1/
# ./configure

Aparecerá em sua tela todos os programas necessários e se está tudo ok com os mesmos. Ao final uma mensagem de congratulações aparecerá. Algo como:

Imagination configuration:
--------------------------


Install in : /usr/local/bin
GTK version : 2.18.3
SOX version : 14.3.0

É hora do make. Ainda no terminal faça:

# make

Essa parte assusta um pouco, pois aparecerão vários comandos na tela. Mas não se preocupe, é assim mesmo. :)
Agora é hora de realmente instalar o software em seu Ubuntu 9.10. Faça:

# make install

Mais um emaranhado de comandos aparecerão em seu terminal. Espere até o fim e pronto.

Opa! Quase me esqueci. Ainda é preciso criar um Item no Menu Aplicações. É bem fácil.
Vá no Menu Sistema → Preferências → Menu Principal. Escolha em Som & Vídeo e clique em Novo Item. Preencha os campos da seguinte maneira.
  • Tipo: Aplicação
  • Nome: Imagination
  • Comando: clique em Navegar e busque o arquivo executável do Imagination. Está em Sistema de Arquivos → usr → local → bin → imagination. Clique em Abrir.
  • Comentário: fique à vontade para comentar. :-)

Bem, no meu caso ele detectou automaticamente o ícone do Imagination. Caso isso não aconteça, clique no ícone da mola e busque a imagem em: Sistema de Arquivos → usr → local → share → icons → hicolor → 48x48 → apps. Clique em Abrir.
Escolha o ícone e clique em Ok.

ou ainda acesse a dica: Adicionar item no menu do Ubuntu visível a todos os usuários

"Well Done!" - Divirtam-se. :-D


Dicas de Uso
O que se pode fazer com Imagination :-)

Imagination é um software bastante simples, podemos dizer que seja um software WYSIWYG (What You See Is What You Get - O que Você Vê É O que Você Tem). Todos os controles estão à vista e são de fácil entendimento.
Em sua versão 2.1 várias novas funções foram adicionadas, tais como:

· Girar a foto: Para girar a foto em sentido horário vá em Menu Slide → Rotate Clockwise ou [Ctrl + R]. Em sentido anti-horário vá em Menu Slide → Rotate Counter-clockwise ou [Ctrl + U].
· Por legenda na imagem: Após adicionar uma imagem, cheque as funções ao lado da imagem e em Slide Text digite a legenda. Se desejar por um texto clique no botão para expandir o campo de entrada de texto.
· Animar a legenda: Logo após digitar o texto da legenda e escolher fonte e cor, você pode animar a legenda em Animation. Apenas selecione uma das 6 opções.
· Fundo Musical: Você pode adicionar fundo musical a transição de slides. No Menu Slideshow → Import music ou [Ctrl + M] é possível adicionar todos os tipos de arquivos de áudio.
· Adicionar um slide vazio: É bastante útil quando se quer por legenda antes de por imagens, para dar aquele suspense. Vá em Menu Slide → Add empty slide ou [Ctrl + Y].
· Criar vídeo: Você pode criar vídeos a partir de seu projeto em quatro formatos diferentes:
· VOB (DVD Video): formato de vídeo para DVD's
· OGV (Theora/Vorbis): formato nativo Linux de vídeo
· FLV (Flash Video): formato Flash
· 3GP (Mobile Phones): formato para aparelhos celulares.
Para isso vá em Menu Slideshow → Export e escolha seu formato preferido.

Finalizando
Sobre Imagination

Se você gostou do software e é um programador C, visite a página do Imagination no Sourceforge e ajude a melhorá-lo: http://imagination.sourceforge.net/. Esse software tem tudo para ser mais um aplicativo indispensável para nós usuários de Linux.